Costura Histórica

Toucados do século 18 | #CostureComigo pt. 2: Moldes

Bem-vindos ao segundo post da nossa série sobre toucados femininos do século 18! No último post a gente fez uma introdução ao assunto, apresentando os modelos da época e discutindo como eles eram usados. Inclusive, se você está caindo de paraquedas aqui, é bom dar uma olhadinha no primeiro post da série bem aqui.

No artigo de hoje vamos construir os moldes para três tipos de toucados diferentes:

MODELO 1 – Toucado simples (1740s) | É meio que a touca padrão do século 18, indispensável para criadas e mulheres de classe média em geral, tanto no meio urbano quando no rural. Ela pode ou não ter babados, mas é bem mais comum que tenha:

MODELO 2 – Toucado de pontas em renda (1740s-1750s) | Esse já é um modelo mais chique, próprio para mulheres de classe média alta (pense na mulher de um comerciante muito rico) e para mulheres nobres em trajes informais.

MODELO 3 – Toucado de alfinete (1760s-1780s) | Esse é o modelo da elite por excelência, um toucado pequeno com nenhuma função além da decoração. Ele é cheio de rendas, babados e laços e uma excelente peça para você que está querendo incorporar elementos históricos em trajes lolita:

Parece um chapéu, mas é um toucado

Lembrando que só vamos discutir os materiais no próximo artigo. Hoje o foco é nos moldes 😉

MODELO 1 – TOUCADO INTEIRIÇO

Esse é o modelo com o molde mais trabalhoso que teremos nesse #CostureComigo, mas também é o meu favorito. Ele é o único que você precisa tirar mais medidas. Então é bom começar prendendo seu cabelo num coque numa posição confortável, para poder tirar as seguintes medidas:

É só passar a fita métrica por cima da cabeça (medida 1) e por cima do seu coque (medida 2), de uma orelha a outra. Com essas medidas, vamos para o molde:

A única medida que não está marcada no molde é a largura da faixa do seu toucado. Se você olhar na foto lá em cima verá que a minha é bem larga (e isso é mais característico dos modelos vitorianos), mas você pode escolher fazer a faixa mais estreita + babado largo, faixa larga+babado estreito…as combinações são infinitas!

 

MODELO 2 – TOUCADO DE PONTAS

Esse modelo era tradicionalmente feito em renda, muitas vezes tecida já no formato e medidas da usuária. A menos que você seja uma rendeira profissional, isso é o tipo de coisa muito difícil de ser feita nos dias de hoje. Então nós vamos trabalhar com um molde adaptado, que pode ser cortado em renda ou em tecido:

A parte 1, que forma o corpo desse toucado, tem medidas fixas. O babado fica a seu critério: com as medidas que já estão no molde você terá um babado bem cheio e pode até optar por um pregueado finalizado com renda na barra. Quanto às pontas/lappets, eu aconselho uma largura entre 8 e 10cm, para ficar equilibrado com a parte 1, e o comprimento fica a seu critério, dependendo principalmente da sua altura e gosto: os originais tinham pontas que ficavam desde a altura dos seios até a cintura.

 

MODELO 3 – TOUCADO DE ALFINETE

Esse modelo de toucado é um dos mais simples que existe e tem duas únicas partes: corpo e babado. Todo o resto são decorações acrescentadas por você:

No próximo post nós vamos falar sobre os materiais e decorações para usar no seu toucado!

Vai participar desse #CostureComigo? Deixe seu comentário aí embaixo para que eu possa conhecer você!

 

COMENTÁRIOS

Historiadora, costureira e apaixonada pela história das coisas miúdas e aparentemente insignificantes. Alguém que acredita que a vida é muito curta para usar roupas comuns e que a moda é, sim, um espelho da história.

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »