saia tardis
Portfólio

Portfólio: Saia TARDIS, versão 1850

Em 2014, resolvi que iria fazer o primeiro cosplay da minha vida logo na primeira edição da CCXP. Minha crinolina chinesa de 6 aros tinha acabado de chegar ao Brasil e eu queria muito tentar uma versão vitoriana de qualquer coisa. Não foi exatamente difícil juntar essa vontade com minha paixão por Dr. Who e assim nasceu a Saia Tardis: uma saia de crinolina pronta para se deslocar no tempo e no espaço!

A T.A.R.D.I.S. original é um dispositivo de viagem temporal e espacial cuja capacidade de camuflagem ficou meio prejudicada quando ela parou na Terra, onde assumiu a curiosa forma de uma police box inglesa:

saia tardis

A série Dr. Who é uma das mais promissoras produções da BBC e cada nova fase nos traz um novo Doutor e novas características no console da nave. Uma das fases favoritas traz o ator David Tennant no papel-título e um interior amarelo-esverdeado meio vintage (quase dieselpunk!), que funciona muito bem com o azul do exterior:

saia tardis

Quando comecei o projeto da Saia Tardis, que sabia que queria reproduzir essas cores, mas não tinha muita certeza de como faria isso. Na falta de tempo para pintar os detalhes necessários, acabei escolhendo uma combinação simples de azul, amarelo e alguns detalhes em preto. Por se tratar de um cosplay, pude trabalhar com materiais que normalmente deixo de lado: oxford, renda sintética e couro sintético.

Depois de 4 anos abandonada no armário, resolvi devolver a Saia Tardis à vida e usá-la na Copa Cosplay organizada pela galera da Comic Con Floripa. A crinolina já não era a mesma, o que modificou o formato da saia para melhor, e outras partes do cosplay também foram modificadas, com a adição de uma blusa azul (a original era uma camisa branca, uma péssima escolha) e um bolero preto. Vamos aos detalhes:

A saia Tardis foi inspirada (beeem) livremente nas saias Balmoral da década de 1850, um modelo de saia dupla em que a camada superior era suspendida por cordas para revelar uma anágua decorada:

saia tardis

E chegamos a isso:

saia tardis

saia tardis

Para fechar a identidade visual da Saia Tardis, adicionei dois elementos: as janelas e uma swiss waist com a identificação da police box.

As janelas foram feitas em feltro com aplicação de passamanarias:

saia tardis

E a swiss waist foi feita em couro sintético e pintada à mão pelo meu marido:

saia tardis

A estrutura interna é nossa velha conhecida Crinolina Cupcake,o que deu à Saia Tardis um movimento incrível (muito melhor do que a versão de 2014!), devidamente registrado em vídeo:

COMENTÁRIOS

Historiadora, costureira e apaixonada pela história das coisas miúdas e aparentemente insignificantes. Alguém que acredita que a vida é muito curta para usar roupas comuns e que a moda é, sim, um espelho da história.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »