Portfólio

Crinolina Cupcake (1850)

Quem me segue no instagram acompanhou, nas últimas semanas, algumas etapas da montagem de uma crinolina 1850. No último domingo (21) rolou até uma live bacanuda na nossa página do Facebook, onde eu fiz uma resenha do molde, mostrei a crinolina na manequim e tirei as dúvidas da galera sobre mobilidade e materiais:

Mas a crinolina ainda não estava pronta. Faltava costurar os aros (um processo que levou quase 8h no total) e bem, embonecar a crinolina.

 

 

A Crinolina Cupcake nasceu como um projeto bem mais simples, que deveria ser totalmente liso, como as peças da época. Como eu já tinha uma crinolina em casa, feita com um molde próprio e totalmente errada em termos de proporção e equilíbrio, também me propus a fazer a crinolina nova somente com materiais que eu já tivesse em casa.

Depois de tudo montado, eu ainda tinha um pouco de tecido e resolvi fazer um pequeno detalhe colorido, porque muita gente me pede para ver a roupa por dentro e eu não posso fazer feio. Aí usei o resto do tecido para fazer algumas pregas na barra, finalizadas com um viés vermelho para dar um pouco de personalidade:

Participação especial da Bianca Del Rio no mural, sempre me lembrando o que fazer quando a vida tentar me derrubar.

Foi quando eu percebi que ela precisava de cor em outros lugares para “equilibrar” a paleta dentro da estética vitoriana. Ok, eu sei que as crinolinas não eram decoradas, mas não posso simplesmente deixar uma cor flutuando no meio do bege porque não era o tipo de coisa que se fazia no período!

Assim, nasceu a Crinolina Cupcake, porque eu gosto de saber que a roupa de baixo é tão bonita quanto a de cima:

Por causa do cós largo e anatômico, a estabilidade dessa crinolina é infinitamente maior do que os meus modelos antigos. O peso também está melhor distribuído entre as tiras de sustentação, me deixando muito mais confiante com relação ao movimento da peça.

No próximo sábado (26.05) usarei essa crinolina em um evento e postarei vídeos e fotos do traje completo montado em cima dela!

 

FICHA TÉCNICA

MOLDE: TV142, a crinolina de passeio da Truly Victorian, adaptado (veja porquê no vídeo)

MATERIAIS:

  • 17m de barbatanas de aço flexível não-deformante (são duas crinolinas do tipo que é vendida no AliExpress, sendo uma de 6 aros e outra de 3)
  • 2m de algodão cru pesado, com 2.5m de largura;
  • 10m de viés de algodão vermelho;
  • 6m de fita de cetim para os detalhes

TEMPO DE CONFECÇÃO: Entre modelagem e montagem (as costuras são 80% à mão), umas 20h no total.

CUSTOS

Como eu já tinha praticamente tudo em casa, estou estimando alguns valores:

  • 2 crinolinas (3 e 6 aros) do AliExpress – R$100,00
  • Tecido – R$ 30,00
  • 1 peça de viés estreito – R$ 4,90
  • Fita de cetim – R$ 6,00

 

COMENTÁRIOS

Historiadora, costureira e apaixonada pela história das coisas miúdas e aparentemente insignificantes. Alguém que acredita que a vida é muito curta para usar roupas comuns e que a moda é, sim, um espelho da história.

Translate »